Arquivo do mês: fevereiro 2013

Teatros por João Caldas – Blog do Dirceu (Veja S. Paulo), fevereiro/2013

joao capa3

 

“Teve gente, colega aqui da redação, que já me perguntou: “mas por que eu não encontro esse João Caldas? Ele nunca está por aqui…”. E eu respondi: “como assim, nunca está por aqui? O João Caldas não é funcionário da revista”. A verdade é que eu também não conheço o João Caldas, mas há pelo menos uma década lido diariamente com suas fotos, escrevo seu nome nos créditos, publico imagens registradas por ele. Enfim, trata-se de um dos meus colegas de trabalho mais frequentes e ainda ouço falar por aí… “Mas como assim? Impossível! Você deve conhecer o João Caldas sim!”.”

Leia mais aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Teatros por João Caldas

Teatros por João Caldas – TV Uol, fevereiro/2013

joao capa3

 

Assista aqui

Deixe um comentário

Arquivado em Teatros por João Caldas

A religião no espaço público – Amálgama, fevereiro/2013

capa Religião no espaço público

 

“Os autores de A religião no espaço público não são “ateus militantes” — ou pelo menos não mostram nestas suas colaborações. O livro é da coleção Antropologia Hoje da editora Terceiro Nome. Os autores são, antes de tudo, antropólogos preocupados em relatar estudos de campo que fizeram, ou analisar aspectos históricos em artigos acadêmicos”

Deixe um comentário

Arquivado em A religião no espaço público: atores e objetos

Imagem-Violência – Tribuna do Planalto, março/2013

Imagem-violencia

 

“A violência no cinema sempre foi alvo de muita polêmica. Dessa vez, acompanhando o sucesso da mais nova película do gênero em cartaz, o filme Django Livre, de Quentin Tarantino, foi lançado pela Editora Terceiro Nome, o livro Imagem-Violência: Etnografia de um Cinema Provocador, escrito por Rose Satiko Gitirana Hikiji, professora de Antropologia da Universidade de São Paulo (USP).
No livro, a autora utiliza a abordagem da Antropologia Visual para analisar uma série de filmes lançados na década de 1990 como Cães de Aluguel e Pulp Fiction, de Quentin Tarantino; Violência Gratuita, de Michael Haneke; Fargo, dos irmãoes Coen; A Estrada Perdida, de David Lynch, entre outros.”

Leia mais aqui

Deixe um comentário

Arquivado em Imagem-Violência: etnografia de um cinema provocador

Sorbets e sorvetes – Blog da Marlene, fevereiro/2013

Capa sorbet final

 

“”Não é em todo lugar e a qualquer hora que a gente se depara com com profissionais como a Rita, com brilho nos olhos ao falar de seu trabalho…”, disse Neide Rigo, em sua apresentação do livro “Sorbets e Sorvetes – uma festa de frutas brasileiras”, de autoria de Rita Medeiros.”

Leia mais aqui

Deixe um comentário

Arquivado em Sorbets e sorvetes: uma festa de frutas brasileiras

No início dos tempos – Entrevista Sueli Viegas

Deixe um comentário

Arquivado em No início dos tempos

As folhas do cedro – Gazeta do Povo, agosto/2012

CapaPRESS - AsFolhasDoCedro

 

“A nova dramaturgia brasileira é universal, a julgar pela escolha de Samir Yazbek por parte do National Theatre, de Londres, para escrever uma história a ser montada no teatro, cujo primeiro diretor foi o ator Laurence Olivier (1907-1989). Em junho, Yazbek foi o primeiro brasileiro a ter uma obra encenada no local.

Selecionado entre vários autores nacionais, o descendente de libaneses escreveu O Ritual, peça em que jovens se envolvem numa trama que poderia se passar em qualquer lugar e época. Por influência de um líder carismático, o grupo de adolescentes decide criar uma espécie de confraria baseada num ritual. “É algo que os encoraja a viver melhor. Proporciona uma sensação de bem-estar e independência”, contou o autor à Gazeta do Povo.”

Leia mais aqui

Deixe um comentário

Arquivado em As folhas do cedro