Jogo, ritual e teatro – CAMPOS – Revista de Antropologia Social, v. 14, n. 1/2 (2013)

SCHRITZMEYER, Ana Lúcia Pastore. Jogo, ritual e teatro: um estudo antropológico do Tribunal do Júri. São Paulo: Terceiro Nome, 2012. 296 pp. João Bosco Oliveira Borges (UFPR) Por meio da Coleção Antropologia Hoje, a Editora Terceiro Nome tem realizado a publicação de ensaios e resultados de pesquisas etnográficas que tematizam dinâmicas culturais contemporâneas. Dentre os … Mais Jogo, ritual e teatro – CAMPOS – Revista de Antropologia Social, v. 14, n. 1/2 (2013)

Dançando com o inimigo – A menina que indica livros, 12 de agosto de 2015

Bom dia! Quem é fã do Vinicius Campos levanta a mão! \o/ No livro “Dançando com o Inimigo”, que ganhei da Editora Terceiro Nome, Vini nos conta uma história sobre bullying. Eu amei! Já li e vou reler. Obrigada, Terceiro Nome! Assista ao vídeo aqui ou clique na imagem acima. E confira aqui mais informações … Mais Dançando com o inimigo – A menina que indica livros, 12 de agosto de 2015

O Capa-Branca – Coisas de Jornalista, 4 de agosto de 2015

O CAPA-BRANCA E OS LIMITES DA LOUCURA Loucura (sf): 1. Distúrbio, alteração mental caracterizada pelo afastamento mais ou menos prolongado do indivíduo de seus métodos habituais de pensar, sentir e agir; 2. Sentimento ou sensação que foge ao controle da razão. De acordo com o todo poderoso Google, essa é a definição da palavra loucura. … Mais O Capa-Branca – Coisas de Jornalista, 4 de agosto de 2015

O Capa-Branca – Obvious, 1º de agosto de 2015

A história da mentalidade: Juquery – Hospital Psiquiátrico O sistema capitalista vigente, potencializou os espaços urbanos e as desigualdades sociais. A cidade industrializada, transforma o espaço físico, as multidões aglomeradas, trazem doenças, perigos eminentes, caos, desordem. A medicina sanitária, trabalha nos polos urbanos, contendo as epidemias, contaminações, causadas pelo meio geográfico, moradia. No Brasil, temos … Mais O Capa-Branca – Obvious, 1º de agosto de 2015

O Capa-Branca – Justificando, 30 de julho de 2015

O Holocausto Manicomial 2: Trechos da história velada do Juquery Considerado um dos maiores hospícios do Brasil, o Asylo de Alienados do Juquery – projetado por Ramos Azevedo e fundado por Franco da Rocha em 1898 em São Paulo -, abriga mais de um século de história (velada) de mortes, torturas e maus tratos. Na … Mais O Capa-Branca – Justificando, 30 de julho de 2015