Reminiscências dos Quilombos – revista Maná – volume 19, número 2

Imagem

Autor da resenha: Cauê Fraga Machado – Doutorando – PPGAS/MN/UFRJ

“O livro de Marcelo Mello traz a um público mais amplo as histórias e as memórias da Comunidade Negra de Cambará, no Rio Grande do Sul, estado situado no imaginário social brasileiro como um “estado branco”. Este motivo já faz do livro leitura importante para aquele que deseja conhecer melhor a história do negro no Brasil, a partir do caso do Rio Grande do Sul. Além disso, a obra apresenta debates em torno do conceito de quilombo na historiografia e na antropologia em suas interfaces com os movimentos sociais, a justiça, a Nação e a Comunidade de Cambará. Demonstra a importância do trabalho para pensar o que vem se chamando de quilombo e as conceitualizações em torno dos debates sobre identidade étnica e racismo, ação política, sentidos de justiça, políticas de reconhecimento, moral, territorialidade e invenção – temas que parecem povoar a quase totalidade dos estudos sobre esses grupos.”

Leia aqui a continuação da resenha

E veja aqui mais informações sobre o livro

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Design+Artesanato - o caminho brasileiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s