Calúnia – Revista de História, março/2010

 

“A bela companheira do ditador paraguaio Francisco Solano López, a irlandesa Elisa Lynch (1833-1886), tem sido caluniada pela História. Classificada como uma prostituta calculista pelos irmãos de López e pela elite hispânica de Assunção, ela foi acusada de ter incitado o líder a iniciar a Guerra do Paraguai (1864-1870). O representante diplomático dos Estados Unidos, William Washburn, em livro publicado em 1871, o diretor do principal jornal de Buenos Aires, La Tribuna, Hector Varela, e caricaturas na imprensa do Rio de Janeiro faziam essa acusação. Uma pesquisa nos arquivos da polícia francesa e nos registros dos meios de comunicação da época mostra que estas foram invenções infundadas de seus inimigos.”

Leia mais aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Calúnia – Elisa Lynch e a Guerra do Paraguai

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s